Praça do Giraldo

 A Praça do Giraldo é um ícone de homenagem a Geraldo Geraldes, o Sem Pavor, por este conquistado Évora aos mouros em 1167. Em agradecimento por este enorme feito, D. Afonso Henriques nomeou-o alcaide da cidade e fronteiro-mor do Alentejo, região que ajudaria a conquistar.

A Praça do Giraldo é a principal da cidade de Évora. Este lugar tem sido testemunha de importantes momentos da história de Portugal, como: a execução de D. Fernando, Duque de Bragança, em 1483; a queima pública das vítimas da Inquisição no século XVI; ou os intensos debates sobre a reforma agrária durante a década de 1970.

Hoje em dia, a praça ainda é o coração da cidade e alberga várias lojas, cafetarias e restaurantes e, muitas vezes é o local de diferentes atividades. Além disso, possui uma fonte de mármore do século XVIII, obra de Afonso Alvares.

No meio da Praça do Giraldo, sente-se numa das maravilhosas esplanadas e aproveite o seu descanso no Alentejo enquanto admira as bonitas fachadas em estilo neoclássico e romântico. Repare ainda nos interessantes candeeiros espalhados pela Praça do Giraldo e nos brasões no seu topo que homenageiam Geraldo Geraldes, o Sem Pavor!

A sudoeste pelas ruas estreitas de Évora encontra-se o antigo bairro judeu.

Desde 1910 é está classificada como Monumento Nacional.