Coro Alto Se de Évora

O coro-alto da Sé de Évora surgiu em substituição do primitivo coro-baixo que se situava ao cimo da nave central. É fruto das obras efetuadas no período manuelino, tendo sido a construção efetuada pelo bispo D. Afonso de Portugal na primeira metade do século XVI. O coro-alto era o lugar onde se cantavam as horas canónicas do Ofício Divino, tendo sido por isso dotado de um magnífico cadeiral maneirista em madeira de carvalho, onde estão esculpidas em alto, médio e baixo-relevo cenas mitológicas, naturalistas e rurais. Foi mandado construir em 1562 pelo cardeal infante D. Henrique, arcebispo de Évora e futuro rei de Portugal.