Bacalhau à Narcisa 

Bacalhau à Narcisa é um prato típico da culinária de Portugal. Pode também ser chamado de Bacalhau à Minhota ou Bacalhau à Braga. Inclui bacalhau às postas, frito; as batatas e cebolas que acompanham este prato são cortadas às rodelas finas e fritas no mesmo azeite do bacalhau, com louro e cravinhos.

Nasceu em Braga, onde era servido no restaurante de mesmo nome. Ganhou fama e com o tempo foi adotado por outros restaurantes, que tornaram esta receita numa das referências da gastronomia minhota.

  • Ingredientes (p/ 4 pessoas)
  • 4 postas de bacalhau alto
  • 2,5 dl de azeite
  • 2 cebolas médias
  • 6 batatas grandes
  • 2 folhas de louro
  • 1 colher (sobremesa) de colorau
  • 2 cravinhos
  • sal q.b.

Modo de preparação

Num tacho, escalde o bacalhau, previamente demolhado, com água a ferver, cerca de 5 minutos, escorra-o e reserve. Entretanto, descasque e corte às rodelas as cebolas e as batatas, reserve.

Numa frigideira, verta o azeite, aqueça-o e frite as postas de bacalhau, previamente secas com um pano. As postas de bacalhau devem ficar douradas de ambos os lados, mas não frite durante muito tempo, para que estas não fiquem secas.

Depois de fritas, retire-as para uma travessa de servir.

De seguida, na mesma frigideira e com o mesmo azeite, frite as batatas, temperadas com um pouco de sal, até ficarem douradinhas. Disponha-as à volta das postas de bacalhau. Depois frite as rodelas das cebolas, ligeiramente, até amolecerem e ganharem cor e disponha-as por cima do bacalhau.

Baixe o lume da frigideira e adicione o colorau, as folhas de louro cortadas aos pedaços e os cravinhos, deixe ferver cerca de 5 minutos.

Regue com o molho, enfeite com azeitonas e sirva de imediato.